quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Quando eu era (ainda mais) pequenina...


.. lembro-me de nas férias grandes estar um calor abrasador, como sempre gostei..
De pegar no baldinho com a pá e as minhas formas e de mão dada à mãe e à Tânia descermos a rua todas contentes até à praia..
Lembro-me de lá ficarmos até tarde.. até o sol não queimar mais e de nessa altura a água do mar estar quentinha e de não resistirmos a molhar-nos todas..

Lembro de vir para casa cansada de brincar, cheia de areia, salitra na pele e gelado na mão..
Lembro-me das noites de brincadeira no pátio depois do jantar.. sem casacos e de chinelos nos pés..
Lembro-me de ter q dormir de janela aberta, de só usar um lençol fresquinho e de mesmo assim ter calor...

Agora não está tempo para praia.. Os meses de Verão são mais cinzentos que azuis.. Chove e faz vento.. Se não chove não há vontade de estar na praia até tarde porque fica frio.. À noite são precisos casacos e os pés ficam gelados se usar sandália.. Durmo de lençol e edredon e não tenho calor..


Mas o que é que se passa com este tempo???!!


Pior.. O que é que se passa com este tempo do norte???!!!

12 comentários:

Bruno disse...

Ai tempo volta para trás...

Acho que é um complô contra o povo não do norte, mas da zona metropolitana do Porto.. Talvez o S. Pedro não seja portista.

Mas ora bolas, eu também não e bem que merecia um tempo bom, um tempo de Agosto...

Sentes que estás em Agosto?? Eu não. Acho que é o Agosto mais manhoso de sempre.

Santos, Tiago disse...

Quando eras pequenina tudo era diferente.
Para mim ir ao fundo da rua da minha casa, era quase uma aventura. Parecia tão longe. Hoje apercebo-me que afinal não é assim tanto. Aliás, até é bastante perto...
Quanto ao tempo, de ano para ano o Verão parece ser pior. São os efeitos secundários daquilo que fazemos ao planeta.

Cat disse...

É verdade. O tempo não tem ajudado muito a quem queira ir com alguma frequência (ou quando o trabalho o permite, o que se torna chato)à praia. São algumas variações que por vezes também se reflectem no nosso humor.

Patrícia disse...

Tu perguntas "O que é que se passa com este tempo?" por sua vez o tempo há de perguntar: "O que é que esta gente me anda a fazer?"

Sinto bastante diferença principalmente nas noites. Este ano ainda só me apanhei à noite na rua sem casaco uma ou duas noites, ou quando me dão aqueles calores pouco influênciados pela temperatura real :P

Que saudades desses dias de praia que descreveste... ladeira acima com a minha irmã a ver quem chegava primeiro ao largo do castelo, cheias de baldes e baldinhos!

a estagiária disse...

Bruno,
concordo totalmente.. pior Agosto de todo o sempre..! :S

Tiago,
sim, as emoções e sensações eram diferentes quando éramos pequenos.. mas eu não falei de emoções nem sensações.. falei de situações bem reais..
Quando ao planeta.. é verdade.. está tudo marado por nossa causa.. mas não era suposto estar cada vez mais calor? Era e está.. aqui é que não.. Qualquer dia imigro!

Cat,
pois é.. com este tempo cinzento parece que qualquer problema ainda se agrava mais..

Patrícia,
a vida era tão boa quando ainda não tínhamos crescido.. também tenho muitas saudades desse tempo.. Mas tu até nem te podes queixar muito.. só o teu corpo é que cresceu.. a tua irmã continua aí e a ladeira imagino que também.. Compra uns baldinhos e bora pra praia que pelo menos tu ainda tens o bom tempo... que inveja desse alentejo bom!!

Le Enfant Terrible disse...

É do aquecimento global, só pode. Ainda me recordo que no ano passado foi pior, mais frio, pelo menos aqui para os lados da capital!

becodosprazeres disse...

já eu, sempre do contra, com a minha 'elergia' a calor abrasador fico bem contente com este tempo fresco. abençoadinho. só bastava estar sol e o era o tempo perfeito :)

mfc disse...

Calminha... o calor vem aí (para o ano...!).

paddy disse...

(é só pra dizer que me fartei de dar comida aos teus peixes)

Fred Eat Cock disse...

Eu lembro-me de ir à Póvoa de Varzim, em pleno Agosto, há mais de trinta anos e já estava um frio do camandro. Havia nevoeiro cerrado e só fomos ao banho porque as miúdas foram e fartaram-se de gozar connosco (se elas tivessem um saco de abrunhos entre as pernas, que se encarquilha todo com a água fria, não gozavam com a desgraça alheia).
Por isso não vejo qual é a novidade com o tempo do Norte... (lol).

Patrícia disse...

Hum, hum... a mana mais nova já não quer saber tanto da mana mais velha (acho que isto bate às irmãs mais velhas quando subitamente as mais novas vão para a universidade e passam a ser Alentejanas em Lisboa, com vontade de lá ficarem para sempre).
Quanto ao meu Alentejo... olha que sim, isto tem estado bom, mas não tão bom quanto há uns tempos atrás. As noites estão geladas, tal como as tuas. E os dias de praia têm sempre aquele ventinho desagradável!

P.S.: É melhor estipulares uma dieta aos teus peixes!

LH disse...

De facto, o clima está completamente maluco!
Ainda há pouco cheguei da praia. estive deitado ao sol e não me lembro de suoar! Nada normal.
Para além disso, durante o presnte ano, não passei uma única noite de calor. Ainda durmo com cobertor, imagina! E a tendência é que venha a piorar, infelizmente...